MAIS FM
MAIS TV

Atlético-GO e Flamengo empatam em jogo com emoção até o fim


Em um confronto repleto de emoções, intenso e com chances para as duas equipes, Atlético-GO e Flamengo ficaram em um empate em 1 a 1 neste sábado (9), no estádio Antônio Accioly, em partida válida pela primeira rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

O Flamengo dominou boa parte do primeiro tempo, mas as melhores chances foram do Atlético-GO. Logo aos dois minutos, o Dragão abriu o placar com Wellington Rato, após boa jogada de Jorginho e falha de David Luiz. No entanto, o gol foi anulado pelo VAR (árbitro de vídeo) por impedimento, bem assinalado, de Shaylon no início da jogada.

Logo depois o Flamengo passou a dar as cartas do duelo, principalmente utilizando Bruno Henrique pela esquerda. Aos 22 minutos, após escanteio cobrado, o camisa 27 apareceu livre para finalizar, mas acabou mandando por cima do gol. Cinco minutos depois foi a vez de Gabigol receber passe, cortar para dentro e arriscar de canhota, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora.

Com posse, mas sem criar muitas chances, o Rubro-Negro carioca viu o goiano crescer na partida e criar oportunidades claras. A primeira aos 39 minutos, com Jorginho. Ele recebeu passe, driblou Wilian Arão e ficou cara a cara com Hugo. O camisa 10 finalizou forte, só que em cima do goleiro, que não deu rebote. Jorginho teve nova chance aos 44 minutos, quando ficou na frente do gol, dentro da pequena área, mas chutou por cima.

O segundo tempo começou em um ritmo muito forte. O Flamengo partiu para cima logo no primeiro minuto, com Matheuzinho, mas sofreu imediatamente com o contra-ataque puxado por Shaylon. O camisa 7 chutou cruzado e a bola passou por toda a zaga do Flamengo, por Wellington Rato, e foi para fora.

Apesar de o Flamengo iniciar uma pressão, o Dragão acabou abrindo o placar aos 29 minutos. Contra-ataque pela direita com Dudu, que avançou e tocou para Wellington Rato finalizar de perna esquerda no canto de Hugo, sem chances para o goleiro do Flamengo.

O time carioca então intensificou a busca pelo primeiro gol. David Luiz tentou de cabeça, logo depois foi a vez de Pedro. Quem empatou foi Bruno Henrique. Cobrança de escanteio aos 38 minutos e o camisa 27 subiu sozinho, cabeceou no ângulo direito e deixou tudo igual.

A virada quase veio quatro minutos depois. Pedro recebeu dentro da área, teve tempo para ajeitar a bola e soltou a bomba. Luan Polli desviou com a ponta dos dedos e a bola explodiu no travessão. Quando parecia que o Flamengo conseguiria a virada, o Atlético-GO quase fez o segundo. Novo contra-ataque, desta vez com Léo Pereira, que ganhou da zaga do Flamengo e tocou de canhota por cima de Hugo. A bola caprichosamente tocou na trave esquerda do goleiro e não entrou.

No fim, o empate pareceu um resultado justo pelo que as duas equipes criaram em um jogo de muitas alternativas e emoções. Ainda houve tempo para alguns torcedores invadirem o gramado após o término da partida. Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo enfrenta o São Paulo, domingo (17), às 16h (horário de Brasília), no Maracanã. No mesmo dia, o Atlético-GO enfrenta o Bragantino, às 18h, no Nabi Abi Chedid.





Agência EBC

Atlético-GO faz história com classificação para semi da Sul-Americana
[ad_1] O Atlético-GO se classificou pela primeira vez na história para as semifinais da Copa
Centenas de professores da rede que aguardavam progressão vertical são contemplados | Notícias | Educação
[ad_1] Relação de profissionais gratificados pode ser conferida no Diário Oficial do Município desta segunda-feira,
1 2 552 553